o livro é seu. eu te dedico.
"Parceira,
aperfeiçoa-te na artede ser você mesmae nenhum reflexote enganará

Cuide-see continue.
f
Num Pôr-do-soldesses.”

>Caminho da Autotransformação . Eva Pierrakos>Enviada por Carolina Bergier  (coleção particular)>Ela conta: Depois de um processo intenso de transformação pessoal, foi num retiro, que a gente se comunicou pela primeira vez, abençoados pelo sol que se despedia por detrás na silhueta da Terra. Palavras confusamente compreensíveis se estabeleceram como nossa dinâmica. No dia seguinte, eu estava em silêncio. Ele me pediu pra contar um segredo pra ele. Meus olhos contaram vários. Coisas que nem eu mesma sabia sobre mim. Ele entendeu tudo. E, de presente, me deu esse livro. O processo de transformação continua. Eternamente.

"Parceira,

aperfeiçoa-te na arte
de ser você mesma
e nenhum reflexo
te enganará

Cuide-se
e continue.

f

Num Pôr-do-sol
desses.”


>Caminho da Autotransformação . Eva Pierrakos

>Enviada por Carolina Bergier  (coleção particular)

>Ela conta: Depois de um processo intenso de transformação pessoal, foi num retiro, que a gente se comunicou pela primeira vez, abençoados pelo sol que se despedia por detrás na silhueta da Terra. Palavras confusamente compreensíveis se estabeleceram como nossa dinâmica.

No dia seguinte, eu estava em silêncio. Ele me pediu pra contar um segredo pra ele. Meus olhos contaram vários. Coisas que nem eu mesma sabia sobre mim. Ele entendeu tudo. E, de presente, me deu esse livro. O processo de transformação continua. Eternamente.

"Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem desaparecido todos os meus amores, mas enlouqueceria se desaparecessem os meus amigos! Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências…Alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem… Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida. 

Mas, porque não os procuro com assiduidade, não posso lhes dizer o quanto gosto deles. Eles não iriam acreditar.A gente não faz amigos, reconhece-os.Te amo,Rodolfo”>Para Viver um Grande Amor . Vinicius de Moraes
>Enviada por Julia Spinicci (coleção particular)
>Ela conta: Meu amigo, Rodolfo, me deu esse livro de presente de aniversário de 17 anos.

"Eu poderia suportar, embora não sem dor,
que tivessem desaparecido todos os meus amores,
mas enlouqueceria se desaparecessem os meus amigos!

Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos
e o quanto minha vida depende de suas existências…

Alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem…
Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida.

Mas, porque não os procuro com assiduidade,
não posso lhes dizer o quanto gosto deles.
Eles não iriam acreditar.


A gente não faz amigos, reconhece-os.

Te amo,
Rodolfo”




>Para Viver um Grande Amor . Vinicius de Moraes

>Enviada por Julia Spinicci (coleção particular)

>Ela conta: Meu amigo, Rodolfo, me deu esse livro de presente de aniversário de 17 anos.

"Querida vovó,A senhora, que sempre me presenteou com livros e lindas palavras agora recebe de mim, sua neta mais velha (e única!) um exemplar de minha coleção particular. Este livro me trouxe grandes reflexões e espero que traga a você também.Com imenso carinho e atraso:Feliz Dia das Mães!Elena Yoshie J VeríssimoP.s.: Espero que o cheiro de livro velho não incomode. É de sebo!P.p.s.: …Nem os erros de grafia!”>Sidarta . Hermann Hesse
>Enviada por Elena Veríssimo
>Ela conta: Minha avó sempre me deu livros desde que eu era criança. Me inspirei ao ler tantas dedicatórias no site e resolvi fazer uma dedicatória para a pessoa que mais me escreveu a minha vida toda. Minha avó. É um presente de Dia das Mães, que não passei com ela, mas espero que o presente compense, porque é de coração.

"Querida vovó,

A senhora, que sempre me presenteou
com livros e lindas palavras
agora recebe de mim,
sua neta mais velha (e única!)
um exemplar de minha coleção
particular. Este livro me trouxe
grandes reflexões e espero que
traga a você também.

Com imenso carinho e atraso:
Feliz Dia das Mães!

Elena Yoshie J Veríssimo

P.s.: Espero que o cheiro de livro velho não incomode. É de sebo!
P.p.s.: …Nem os erros de grafia!”


>Sidarta . Hermann Hesse

>Enviada por Elena Veríssimo

>Ela conta: Minha avó sempre me deu livros desde que eu era criança. Me inspirei ao ler tantas dedicatórias no site e resolvi fazer uma dedicatória para a pessoa que mais me escreveu a minha vida toda. Minha avó. É um presente de Dia das Mães, que não passei com ela, mas espero que o presente compense, porque é de coração.

"Vamos transformar as pedras do nosso caminho em flores e iluminar cada canto escuro do nosso passado para que haja somente presente e futuro. Ao final disso, transformaremos nossas vidas em amor e então caberemos  onde quisermos.Te amo. Do seu amor, Jeander.”>Manoel de Barros - Poesia completa 
>Enviada por Ana Paula Miola (coleção particular)
>Ela conta: Ganhei essa obra de um menino com olhos de passarinho, que escreveu essa dedicatória poética na página que contém o poema que sempre lhe dediquei. Ganhei esse pequeno imenso mimo do menino que desejo estar sempre perto, compartilhando a vida, a poesia e o amor que tá no fundo do peito, guardado pra ele. Ganhei essa obra num momento de redescoberta do nosso amor, do nosso querer, do nosso sentir. Que ela venha, então, pra dar cor ao nosso futuro somente rascunhado.

"Vamos transformar as pedras do nosso
caminho em flores e iluminar cada canto
escuro do nosso passado para que haja somente
presente e futuro. Ao final disso, transformaremos
nossas vidas em amor e então caberemos
onde quisermos.
Te amo.

Do seu amor,
Jeander.”


>Manoel de Barros - Poesia completa 

>Enviada por Ana Paula Miola (coleção particular)

>Ela conta: Ganhei essa obra de um menino com olhos de passarinho, que escreveu essa dedicatória poética na página que contém o poema que sempre lhe dediquei. Ganhei esse pequeno imenso mimo do menino que desejo estar sempre perto, compartilhando a vida, a poesia e o amor que tá no fundo do peito, guardado pra ele. Ganhei essa obra num momento de redescoberta do nosso amor, do nosso querer, do nosso sentir. Que ela venha, então, pra dar cor ao nosso futuro somente rascunhado.

"Foi difícil, mas sonhos, desejos são assim mesmo, levam tempo para serem realizados, conquistados. 
Dá-me prazer ajudar sonhos a serem realizados. 
Bjos. Lameiro.”>A Insustentável Leveza do Ser . Millan Kundera
>Enviada por Leila Rigatos (coleção particular)
>Ela conta: Esse é o meu livro favorito, mas ele estava esgotado há um bom tempo. Tenho uma versão de bolso e sempre que entrava em alguma livraria ou sebo procurava por um exemplar, faço isso há anos, em vão. Hoje cheguei ao trabalho e ele estava na minha mesa. Um amigo querido conseguiu pra mim e escreveu a dedicatória.Fiquei emocionadíssima.

"Foi difícil, mas sonhos,
desejos são assim mesmo,
levam tempo para serem
realizados, conquistados.

Dá-me prazer ajudar
sonhos a serem realizados.

Bjos.
Lameiro.”


>A Insustentável Leveza do Ser . Millan Kundera

>Enviada por Leila Rigatos (coleção particular)

>Ela conta: Esse é o meu livro favorito, mas ele estava esgotado há um bom tempo. Tenho uma versão de bolso e sempre que entrava em alguma livraria ou sebo procurava por um exemplar, faço isso há anos, em vão. Hoje cheguei ao trabalho e ele estava na minha mesa. Um amigo querido conseguiu pra mim e escreveu a dedicatória.

Fiquei emocionadíssima.

"Irmão querido, e este livro segue mais uma etapa na sua trajetória de objeto animado/sensível. E aqui vaidireto da Grécia, de Athenascom suas poeiras do passado e do presente, seu cosmopolitismoe poluição, depois de ter passadopela França (e por Ménilmontant)e recebido sua carga afetiva.
Ele segue seu caminho até você.Com amor e saudades, 
Camila.
Athenas 2011.”

>Par-delà nature et culture . Philippe Descola
>Enviada por Fabiano Bechelany (coleção particular)
>Ele conta: Sou um cultivador de dedicatórias, gosto de escrevê-las e de recebê-las. Sobretudo porque vivo entre livros e gosto de presentear pessoas com livros. Um livro como presente nunca sai sem dedicatória. 


"Irmão querido, 
e este livro segue mais uma 
etapa na sua trajetória de objeto 
animado/sensível. E aqui vai
direto da Grécia, de Athenas
com suas poeiras do passado e 
do presente, seu cosmopolitismo
e poluição, depois de ter passado
pela França (e por Ménilmontant)
e recebido sua carga afetiva.

Ele segue seu caminho até você.
Com amor e saudades, 

Camila.

Athenas 2011.”




>Par-delà nature et culture . Philippe Descola

>Enviada por Fabiano Bechelany (coleção particular)

>Ele conta: Sou um cultivador de dedicatórias, gosto de escrevê-las e de recebê-las. Sobretudo porque vivo entre livros e gosto de presentear pessoas com livros. Um livro como presente nunca sai sem dedicatória. 

"Com muito amor, para uma menina que não tem o dedo verde; mas que, mesmo assim, encanta a tudo e a todos…
Feliz Aniversário, Barbara!
Profª Celoí
04/10/2001” >O Menino do Dedo Verde . Maurice Druon

>Enviada por Barbora Amorim (coleção particular)
>Ela conta: Estou enviando a foto de um livro que ganhei de aniversário na 4ª série de uma professora muito querida.

"Com muito amor, para
uma menina que não
tem o dedo verde; mas
que, mesmo assim,
encanta a tudo e a
todos…

Feliz Aniversário, Barbara!

Profª Celoí

04/10/2001” 



>O Menino do Dedo Verde . Maurice Druon

>Enviada por Barbora Amorim (coleção particular)

>Ela conta: Estou enviando a foto de um livro que ganhei de aniversário na 4ª série de uma professora muito querida.

"Ao Geraldo, que éirmão; à Clarice, que nossuporta; e à prole, queespera algo de nós.
DD….Belo H . set/83” 
>História de um Primeiro Amor . Drumond Amorim
>Encontrada em Sebo . Companhia do Livro (BH)

"Ao Geraldo, que é
irmão; à Clarice, que nos
suporta; e à prole, que
espera algo de nós.

DD….
Belo H . set/83” 



>História de um Primeiro Amor . Drumond Amorim

>Encontrada em Sebo . Companhia do Livro (BH)

"Feliz Aniversário, Bom Bom!Não existe conto mais aterrorizante que uma história sem você.Com amor,Do amigo,Fernando SimõesMaceió, 16/07/13”

>Branca dos mortos e os 7 Zumbis - e Outros Contos Macabros . Abu Fobiya
>Enviada por Isabelle Carvalho (coleção particular)

"Feliz Aniversário,
 Bom Bom!

Não existe conto mais
aterrorizante que uma
história sem você.

Com amor,
Do amigo,

Fernando Simões
Maceió, 16/07/13”



>Branca dos mortos e os 7 Zumbis - e Outros Contos Macabros . Abu Fobiya

>Enviada por Isabelle Carvalho (coleção particular)